O que é antialérgicos?

Escrito por em 1 de abril de 2024
Junte-se a mais de 2000 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Introdução

Os antialérgicos são medicamentos utilizados no tratamento de alergias, que são reações do sistema imunológico a substâncias estranhas ao organismo, como poeira, pólen, alimentos, entre outros. Essas reações podem causar sintomas como coceira, espirros, inchaço, entre outros. Os antialérgicos atuam bloqueando a ação de substâncias responsáveis por desencadear essas reações alérgicas, aliviando os sintomas e proporcionando bem-estar ao paciente.

Como funcionam os antialérgicos?

Os antialérgicos atuam bloqueando a ação de substâncias como a histamina, que é liberada pelo sistema imunológico em resposta à presença de substâncias alergênicas. A histamina é responsável por causar sintomas como coceira, vermelhidão, inchaço, entre outros. Ao bloquear a ação da histamina, os antialérgicos ajudam a reduzir a intensidade e a frequência dos sintomas alérgicos, proporcionando alívio ao paciente.

Tipos de antialérgicos

Existem diferentes tipos de antialérgicos disponíveis no mercado, como os anti-histamínicos, os corticosteroides, os descongestionantes, entre outros. Os anti-histamínicos são os mais comuns e atuam bloqueando a ação da histamina. Já os corticosteroides atuam reduzindo a inflamação causada pelas reações alérgicas. Os descongestionantes ajudam a aliviar a congestão nasal causada por alergias.

Indicações de uso

Os antialérgicos são indicados para o tratamento de diversas condições alérgicas, como rinite alérgica, urticária, dermatite, entre outras. Eles podem ser utilizados de forma pontual, para aliviar os sintomas agudos, ou de forma contínua, para prevenir o surgimento de novas crises alérgicas. É importante seguir a orientação médica quanto à dosagem e duração do tratamento com antialérgicos.

Efeitos colaterais

Assim como qualquer medicamento, os antialérgicos podem causar efeitos colaterais em alguns pacientes, como sonolência, boca seca, tontura, entre outros. É importante estar atento a esses possíveis efeitos e comunicar ao médico caso ocorram de forma intensa ou persistente. Em casos mais raros, os antialérgicos podem causar reações alérgicas graves, como dificuldade respiratória e inchaço.

Contraindicações

Os antialérgicos podem ser contraindicados em casos de hipersensibilidade a algum componente da fórmula, gravidez, lactação, entre outras condições específicas. É importante informar ao médico sobre qualquer condição de saúde pré-existente e medicamentos em uso antes de iniciar o tratamento com antialérgicos. O uso indevido desses medicamentos pode agravar os sintomas alérgicos e causar complicações.

Precauções no uso de antialérgicos

Alguns cuidados devem ser observados ao utilizar antialérgicos, como não exceder a dose recomendada, não utilizar por períodos prolongados sem orientação médica, evitar o consumo de álcool durante o tratamento, entre outros. É importante seguir as orientações do médico e do fabricante do medicamento para garantir a eficácia e a segurança do tratamento com antialérgicos.

Interações medicamentosas

Os antialérgicos podem interagir com outros medicamentos, como sedativos, antidepressivos, entre outros, potencializando ou diminuindo seus efeitos. Por isso, é importante informar ao médico sobre todos os medicamentos em uso antes de iniciar o tratamento com antialérgicos. O médico poderá ajustar as doses ou indicar a suspensão de algum medicamento para evitar interações prejudiciais à saúde.

Armazenamento e conservação

Os antialérgicos devem ser armazenados em local fresco, seco e protegido da luz, conforme as instruções do fabricante. É importante verificar a data de validade do medicamento antes de utilizá-lo e descartar corretamente os medicamentos vencidos ou não utilizados. Manter os antialérgicos fora do alcance de crianças e animais de estimação também é essencial para evitar acidentes.

Considerações finais

Os antialérgicos são medicamentos eficazes no tratamento de alergias, proporcionando alívio dos sintomas e melhorando a qualidade de vida dos pacientes alérgicos. É fundamental seguir as orientações médicas quanto ao uso correto desses medicamentos, respeitando as doses e a duração do tratamento. Em caso de dúvidas ou efeitos colaterais, é importante buscar orientação médica para garantir a eficácia e a segurança do tratamento com antialérgicos.